Mercado publicitário perde Luiz Augusto Cama
11 de junho de 2019

Mercado publicitário perde Luiz Augusto Cama

A semana começou com uma notícia triste para a propaganda. Na madrugada desta segunda-feira, 10, faleceu, em São Paulo, Luiz Augusto Cama, aos 79 anos.
Um dos sócios mais antigos e colaborador ativo da ARP, o publicitário esteve envolvido no crescimento da entidade. Cama contribuía em muito para as atividades, sempre com disponibilidade e energia para compartilhar seus conhecimentos. Ele esteve presente, inclusive, na campanha “Caras Novas”, lançada no ano passado.

Aposentado desde 2013, o publicitário trabalhou mais de 40 anos na Ogilvy. A renomada carreira de Cama começou em 1958, na Rádio Difusora de Porto Alegre, aos 18 anos. Em seguida, passou pelo Jornal do Dia e logo depois abriu a Denison de Porto Alegre. Esta, foi transferida para a Standard e posteriormente, em 1972, ganhou o nome de Standard Ogilvy & Mather. Lá, comandou desde grandes campanhas para as Lojas Renner até ações pontuais como a de inauguração do Estádio Beira-Rio.

Essa trajetória resultou em muitas conquistas, dentre elas o prêmio Origens, em 2016, entregue pela ARP para aqueles que marcaram a história da propaganda gaúcha. A entidade lamenta essa grande perda para o mercado da publicidade e se solidariza com a família de Cama, ao mesmo tempo que relembra com gratidão os momentos passados ao seu lado e celebra o legado deixado por ele.

Foto: Raul Krebs
Com informações de Meio & Mensagem.

Compartilhe


Deixe um comentário